CUIDA DE MIM DEUS.


Muitos vão embora,
e querem encontrar alguém
Que garanta o Maximo. A Paz nos corações
Não há o que temer
Embora o medo exista em nós
Mas a fé nos faz mover, montanhas com poder

Pode um milagre em fim, acontece…
Quando você acredita…
A esperança em ti, ninguém jamais
irá matar. Depende só…
Se tu quiseres crê.

Estou perdendo a minha infância
Nas esquinas da vida
Pedindo dinheiro, sofrendo sem nenhuma saída.
Ninguém tem dó, ninguém me ajuda
Meu papel é sofrer.
Estou com medo meu Deus, o que eu posso fazer?
Pelas madrugas da noite, sem nenhum cobertor
Chorei batendo os dentes quando o frio aumentou
Não tenho Mãe não tenho Pai para me da um abrigo
Estou com medo meu Deus, só o senhor está comigo
Eu nunca fui à escola, eu não sei nem lê
o que é amor materno?
Alguém venha me dizer.
analfabeto, sem nome.
tenho vários apelido
de neguinho, pivéte, trombadinha e bandido
Pode um milagre em fim, acontece…
Quando você acredita…
A esperança em ti, ninguém jamais
irá matar. Depende só…
Se tu quiseres crê.

Num dia que não fez frio eu consegui sonhar
Numa casa bonita, acho que era meu lar.
Uma mulher me esperava naquele portão.
E eu vinha correndo com a mochila na mão
Sempre gostei de desenhos, pula no sofá…
Pelo menos meu sonho consegui realizar, uma TV muito grande.
Pipoca e doces será que é real? Eu queria que fosse
Fui pro clube nadar, pular e brincar.
Só nadei uma vez num lago Paranoá
Eu só conheço o shopping do lado de fora…
Tentei cai pra dentro, me colocarão pra fora…
Nesse sonho eu tive tudo que era bom
Até o velhinho me deu um monte de bombom
Aquele shopping é legal, é tudo iluminado
Papai Noel barrigudo, me colocou no colo
Tirou uma foto comigo, tipo “recordação”
Quando eu fui embora, ele aceno com a mão
Quando eu fui percebe, já era dia…
Me acordarão com um tapa, acabou minha alegria.

Pode um milagre em fim, acontece…
Quando você acredita…
A esperança em ti, ninguém jamais
irá matar. Depende só…
se tu quiseres crê.

Tem tantas crianças gritando por ajuda e só Deus ouve porque um farol nas esquinas da cidade; a infância na marginalidade sem família nas ruas a viver, mãos estendidas esperando receber vidros fechados, gestos mudos do outro lado.

Troca de olhares, indiferença, rejeição
Mais um número, nesse mundo cão!
Vidros fechados, gestos mudos do outro lado
Precisamos fazer a nossa parte em também ouvir essas crianças.

Deus faz a parte dele e quer que façamos a nossa também.

Vamos ouvir as nossas crianças.

Samuel Ortiz

Categories: Uncategorized | 4 comentários

Navegação de artigos

4 thoughts on “CUIDA DE MIM DEUS.

  1. Passei para dar as boas vindas e agradecer a visita ao SOLA SCRIPTURA. Parabéns pelo trabalho. Deus te abençoe.

  2. paz!
    otimo blog!
    q DEUS te abençoe muito!
    abraço

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

site na WordPress.com.

%d bloggers like this: